curiosidades

Tudo sobre jardinagem: 6 mitos e verdades sobre o tema

Se você está procurando um hobby, jardinagem é uma boa opção. Além de embelezar sua casa, cuidar de um jardim é terapêutico e uma ótima forma de aproveitar o dia. De quebra, muitos acreditam saber tudo sobre jardinagem, mesmo sem ter experiência. Afinal, plantas só precisam de terra, sol e água, correto?

Não é bem assim! Na verdade, trata-se de um hobby delicado e que pode ser muito complexo. Por isso, se você deseja começar a cuidar de suas plantas, o melhor é pesquisar bastante, começando por descobrir o que é mito e o que é verdade quando o assunto é jardinagem! A seguir, desvendamos algumas das ideias mais difundidas sobre o que um jardineiro precisa saber.

1. Plantas precisam de água todos os dias

Mito! É verdade que água é essencial para o crescimento de qualquer vegetal, mas umidade demais pode ser muito prejudicial para plantas. As raízes são a base das plantas e são muito importantes pois absorvem a água e os nutrientes da terra.

No entanto, elas também necessitam de ar para sobreviver. Água em excesso impede que a raiz respire, matando-a pouco a pouco. Se você estiver regando demais, as folhas de sua planta ficarão murchas e sem vida. Por isso, siga algumas instruções na hora da rega:

  • Verifique se o solo ainda está úmido. Coloque seu dedo na terra e tente perceber se ainda há água. Se sim, espere mais um dia para regar de novo.
  • Fique atento às estações do ano. Dias mais quentes precisam de mais rega que dias frios ou com temperaturas amenas.
  • Se estiver com dúvida, melhor não regar. A maioria das plantas sobrevive melhor na falta d’água do que no excesso.

2. Regar durante o dia faz mal

Verdade! Especialistas indicam que a melhor hora para se fazer a rega é durante a manhã ou à noite. Regar durante a hora mais quente do dia pode causar um choque térmico na planta, o que é prejudicial a sua saúde.

Além disso, a água vai evaporar rapidamente e seu jardim vai aproveitar muito pouco dos nutrientes da planta. Caso você esteja regando corretamente e suas plantas ainda não estejam com aparência saudável, confira como cuidar de plantas com dicas que podem salvá-la.

3. Todo inseto faz mal para o jardim

Falso! Na verdade, alguns insetos são ótimos para as plantas e indicam que seu jardim está saudável! É claro, há insetos que são pragas e é preciso ficar de olho neles. Mas se encontrar algumas das espécies abaixo em suas plantas, fique feliz, seu jardim está em ótimas condições!

  • Joaninhas: além de fofas, elas caçam pulgões e outras pragas;
  • Louva-Deus: eles não comem plantas, se alimentam de insetos menores.
  • Abelhas: ajudam a polinizar seu jardim;
  • Vespas: também são grandes polinizadoras;
  • Aranhas: não são tão fofas assim, mas também caçam insetos,
  • Minhocas: arejam a terra e produzem húmus para as plantas.

4. Cactos e suculentas não precisam de água

Falso! É verdade que cactos e suculentas retêm mais a água, mas eles também precisam de nutrientes. Na verdade, a rega deve acontecer de forma regular, e pode variar de acordo com a estação: uma vez por semana durante os períodos mais quentes e uma vez a cada duas semanas nas estações frias.

5. Pesticidas naturais são mais saudáveis

Este é um mito comum em diversas áreas. De maneira geral, devemos evitar pesticidas ou outros aditivos artificiais em nosso jardim. Prefira substratos, adubos e fertilizantes para ajudar a sua plantinha a crescer.

Mas fique atento, nem sempre o natural é mais saudável. Pense o seguinte: se até água em excesso pode matar as plantas, o que pode causar uma dose errada de café, vinagre ou outro ingrediente natural?

Os pesticidas regularizados vêm com indicações e orientações de como aplicar, a quantidade exata e a frequência ideal. Plantas são delicadas e precisam de quantidades precisas de nutrientes, adubos e fertilizantes. Por isso, cuidado com as receitas caseiras que encontramos por aí.

6. Conversar ajuda as plantas a crescer

Não é bem assim. Não há estudos científicos que provem que conversar com vegetais seja benéfico para seu crescimento. Porém, ao falar com as plantas, liberamos CO², um gás que é alimento para as plantas!

Por isso, muitos especialistas aceitam esta prática como válida. Conversar também pode ser muito benéfico para o jardineiro, que cria uma relação de carinho com suas plantas. Na dúvida, converse com as suas! Não tem entre as ferramentas de jardinagem, alguma que seja mais útil que o afeto.

Já se sente mais seguro agora que sabe tudo sobre jardinagem? Então é hora de começar a criar suas próprias plantas!

Fonte: www.petz.com.br/blog/curiosidades/2440216

Deixe seu comentário...

%d blogueiros gostam disto: